Fale connosco
English

Projeto europeu melhora qualidade da formação sobre ligações adesivas

16 janeiro 2024

O projeto KNOWBOND, que durante os últimos dois anos criou recursos para impulsionar a formação profissional na área da tecnologia de adesivos, chegou ao fim. O trabalho do consórcio, coordenado pelo INEGI e composto por parceiros de cinco países, permitiu atualizar o sistema de currículos europeu de ligações adesivas e implementar ferramentas para uma aprendizagem flexível, bem como elaborar o guia do utilizador para integração em plataformas online e o manual de recomendações de garantia e qualidade.

Numa vertente mais prática e de forma a fomentar o conhecimento sobre o tema, o consórcio dinamizou formações piloto e eventos na Áustria, Alemanha, Portugal, Eslovénia e Espanha.  As ações chegaram a 107 participantes, envolvendo alunos, formandos, trabalhadores, especialistas e o público em geral. Voltado para a academia, para auxiliar os estudantes universitários e formandos a consolidar o seu saber sobre ligações adesivas, o consórcio criou ainda um jogo. Intitulado "Bonder”, nasceu em parte pela mão de Ana Queirós, investigadora do INEGI, e foi distinguido com o prémio "Prática Pedagógica Inovadora" da Universidade do Porto. 

A tecnologia de adesivos é uma necessidade transversal a toda a indústria, sendo que a qualificação de pessoas para a união de componentes está a conquistar terreno em vários setores. É o caso da indústria da ferrovia e automóvel, e do mobiliário. 

O projeto, de âmbito europeu, teve como objetivo alavancar a formação de profissionais e contribuir para a expansão do atual sistema de qualificações, adaptando o ensino às reais necessidades do mercado de trabalho. 

Estima-se que o projeto tenha um impacto significativo na Europa por colmatar a lacuna existente entre a oferta educativa e a procura industrial no que diz respeito a ligações adesivas.  Até então, no âmbito da qualificação atual de Técnicos Europeus de Adesivos (European Adhesive Bonder, EAB), não existia a possibilidade de os trabalhadores desenvolverem e certificarem os conhecimentos e competências relacionados com atividades profissionais específicas, tal como é exigido nos seus locais de trabalho. 

O projeto KNOWBOND envolveu cinco países europeus – Portugal, Alemanha, Áustria, Espanha e Eslovénia – e teve financiamento da União Europeia.



Páginas Relacionadas



Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.   Saiba mais

Compreendi