Fale connosco
English

INEGI obtém 4 milhões de fundos europeus para desenvolver novos materiais e processos de fabrico para vários setores económicos

15 setembro 2020

O INEGI vai participar em oito projetos colaborativos enquadrados nos programas europeus de liderança industrial, nas áreas de nanotecnologia, materiais avançados, biotecnologia e processos avançados de fabrico, e dos desafios societais, nas áreas do transporte inteligente, verde e integrado, bem como da energia segura, limpa e eficiente.

No total são mais de quatro milhões de euros provenientes do programa Horizonte 2020, que financia a Investigação & Desenvolvimento na União Europeia, a serem executados nos próximos quatro anos.

Estes projetos vão criar soluções para diversos setores, como o energético, o marítimo e naval, a saúde ou a construção. Está previsto o desenvolvimento de novos materiais, estruturas e processos para aplicação em turbinas offshore e embarcações, para a reparação e regeneração de tecidos biológicos, e para novas soluções para a construção.

"Este resultado é fruto do investimento que realizámos nos últimos anos para tornar o INEGI relevante e competitivo a nível europeu no desenvolvimento de soluções tecnológicas para dar resposta aos desafios da indústria. A participação nestes projetos permite-nos estar ao nível do que mais de avançado se faz na europa e transferir esse conhecimento para a indústria nacional”, destaca José Sampaio, responsável pela área de Inovação e Transferência de Tecnologia do INEGI.

O INEGI vai contribuir para estes projetos com competências chave, nas áreas dos materiais compósitos, caracterização avançada de materiais, biomecânica computacional e simulação de processos de fabrico, eficiência energética e sustentabilidade, assim como da valorização de soluções estruturais de alto-mar.