Fale connosco
English

Formação E-learning: INEGI participa na capacitação de gestores e empresários para a indústria 4.0

01 abril 2020
O programa "Fundamentos da Tecnologia da 4.ª Revolução Industrial" foi lançado para capacitar gestores e empresários a preparar as empresas para os desafios da indústria 4.0 (i4.0). Desenvolvida pela COTEC Portugal e pelo INESC TEC, a formação conta com a participação do INEGI, designadamente nos conteúdos focados nos novos materiais, tecnologias avançadas de fabrico, fabrico aditivo e digitalização do processo de fabrico.

A participação é livre. Aceda ao curso e inscreva-se AQUI.

A Indústria 4.0 é impulsionada pelas tecnologias inovadoras que estão a transformar as empresas, tendo um enorme impacto não só nos sistemas de produção, mas também nos modelos de negócio. No entanto, em Portugal esta transição dificulta-se pelo facto de os conceitos i4.0 ainda serem de conhecimento pouco comum em muitas empresas. Para colmatar este gap de conhecimento, a COTEC Portugal organiza este curso no âmbito da Plataforma Portugal i4.0.

Numa altura em que mais de 40% dos portugueses estão em regime de teletrabalho*, o conceito de e-learning apresenta-se como uma alternativa eficaz de aquisição de conhecimento e competências. Este programa reúne 20 módulos em vídeo disponíveis online, orientados por especialistas da área, que abordam diferentes temas da Indústria 4.0. Com uma duração de 6 horas, o curso privilegia exemplos práticos de aplicação das tecnologias i4.0, e cada módulo termina com um teste de conhecimentos e um resumo dos conteúdos apresentados.

"Muitos dos gestores e empresários que estão a trabalhar a partir de casa têm nesta formação uma excelente forma de adquirir mais conhecimentos. A adoção de tecnologias 4.0 e a inovação nos produtos e processos será sem dúvida essencial para fazer face aos próximos tempos" salienta Ana Maria Sousa, responsável pela área de Formação Avançada do INEGI. "Os desafios presentes e futuros são cada vez mais complexos, e a procura de soluções exige conhecimentos multidisciplinares. É precisamente isto que esta formação oferece".

Ao longo dos módulos XVII a XX, conduzidos por especialistas do INEGI, os participantes irão conhecer os diferentes conceitos e tecnologias que impulsionam novas oportunidades de criação de valor nestas áreas.

*Segundo a Marktest, à data da declaração do estado de emergência, 42% dos portugueses encontravam-se em regime de teletrabalho.