Fale connosco
English

Bolsa de Investigação (BI)

Enviar Candidatura até 08-02-2023 Candidate-se

Anúncio para atribuição de uma Bolsa de Investigação

Encontra-se aberto concurso para atribuição de 1 (uma) Bolsa de Investigação para aluno(a) no âmbito do projeto EXPL/CTM-CTM/1528/2021 "Laser cladding como ferramenta de triagem de alto rendimento de composições de RCCAs como possíveis alternativas às Superligas de Níquel”, com o apoio financeiro da FCT/MCTES através de fundos nacionais (PIDDAC), nas seguintes condições:

Área Científica: Engenharia de Materiais

1. Duração e Regime de Atividade:
Duração de 5 meses, início previsto para fevereiro de 2023. A atribuição das bolsas não gera nem titula uma relação de natureza jurídico-laboral, é exercida em regime de dedicação exclusiva e é atribuído ao Bolseiro o Estatuto de Bolseiro, conforme o disposto no Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., ambos na sua redação atual.

2. Objeto de Atividade:
Os processos de combustão em motores a jato e sistemas de propulsão para o setor aeronáutico e aeroespacial seriam mais eficientes, consumindo menos combustível e reduzindo as emissões de CO2, se pudessem operar a temperaturas mais elevadas. Apesar de algumas superligas de alta resistência (ex. ligas de Ni) exibirem um extraordinário comportamento térmico-químico-mecânico, o seu ponto de fusão limita a temperatura máxima de serviço a ~1000º C. As ligas refratárias de composição complexa (RCCA) bem como as ligas refratárias de alta entropia (RHEA) são as potenciais sucessoras das superligas de Ni, pela combinação de elementos refratários que permitem temperaturas de serviço superiores. Esta inovadora classe de materiais baseia-se em três ou mais metais refratários (ex. Cr, Hf, Nb, Mo, Ta, V, W, Zr) combinados com outros elementos tais como o Al, Si e Ti em elevados teores. O objetivo deste projeto é acelerar o processo de seleção e de caracterização de RCCA, contribuindo ao mesmo tempo para a sua introdução no setor industrial de forma significativa, como ligas sucessoras das superligas de Ni, atualmente utilizadas em aplicações aeroespaciais sob condições de serviço severas. A potencialidade e, ao mesmo tempo, o grande desafio das RCCA reside na sua enorme variedade relativamente ao tipo, quantidade e teor dos elementos que as compõem. A deposição laser combinada com a caracterização de materiais avançados, permitirá reunir uma elevada quantidade de informação relativa às RCCA/RHE, contribuindo para uma melhor compreensão sobre a relação entre os parâmetros do processo, a composição e estrutura da liga, bem como as propriedades mais relevantes. A simulação termodinâmica (CALPHAD) será utilizada como uma ferramenta de previsão e de apoio à análise microestrutural. No enquadramento deste projeto exploratório serão investigadas RCCA baseadas no sistema MoNbTaW, com adições de alumínio, ou vanádio e/ou zircónio. Para a seleção das composições, será feita caracterização química, mecânica e microestrutural à temperatura ambiente. As três ligas RCCA mais promissoras para aplicações aeroespaciais serão testadas a alta temperatura (T>1000 °C). Com este projeto espera-se uma expansão do conhecimento prático acerca das RCCA através de partilha científica e do desenvolvimento tecnológico, tendo em vista a correlação entre simulação, composição, processamento, microestrutura, propriedades.

Tarefa 1: Simulação de novas ligas a partir do sistema MoNbTaW com adição de X onde X=Al, Zr, V através do método CALPHAD.
Tarefa 2: In-situ alloying por laser cladding: otimização parâmetros processo;
Tarefa 3. Caracterização química, microestrutural e mecânica das RCCA e otimização de propriedades através de tratamentos térmicos;

3. Coordenação e Orientação Científica:
Prof. Doutora Elsa Sequeiros. Os trabalhos decorrerão nas instalações do INEGI/FEUP, no Porto.

4. Requisitos de Admissão:
Estar inscrito num mestrado integrado ou num mestrado.

5. Formação Académica e perfil do candidato:
Alunos a frequentar o mestrado em Engenharia de Materiais.
São condições preferenciais para a avaliação dos candidatos:

  • Competências base em software com base em sistema CALPHAD;
  • Conhecimentos de técnicas de caracterização de materiais metálicos e ensaios mecânicos;
  • Línguas Portuguesa e Inglesa: Prioridade elevada, nível Bom.

No caso de graus académicos atribuídos por instituições de ensino superior estrangeiras, e por forma a garantir a aplicação do princípio da igualdade de tratamento a candidatos que detêm graus académicos estrangeiros e nacionais, é obrigatório o reconhecimento desses graus.
O reconhecimento de graus académicos e diplomas estrangeiros pode ser requerido em qualquer instituição de ensino superior pública, ou na Direção-Geral do Ensino Superior (DGES, apenas para o caso do reconhecimento automático). Relativamente a esta matéria, sugere-se a consulta do portal da DGES através do seguinte endereço: http://www.dges.gov.pt.

6. Subsídio de Manutenção Mensal:
O montante da bolsa corresponde a €875,98 conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País https://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores, paga no final do mês a que respeitar por transferência bancária. Será também assegurado o pagamento do seguro de acidentes pessoais, o pagamento do seguro social voluntário se aplicável.

7. Legislação e regulamentação aplicável:
Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei nº 40/2004, de 18 de agosto, e respetivas alterações, Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. em vigor, Regulamento N.º 950/2019, de 16 de dezembro.

8. Métodos/critérios de seleção:
O processo de seleção é constituído por uma avaliação curricular à luz dos critérios referidos. Os candidatos serão classificados da seguinte forma:

i)   Estudante de engenharia Materiais - 30%
ii)  Média das UC's concluídas - 20%
iii) Experiência no tema do programa de trabalho - 50%.

9. Composição do Júri de Seleção:
Presidente: Prof. Doutora Elsa Sequeiros. Vogais: Doutora Ana Rosanete Reis e Doutor Rui Amaral. Vogal Suplente: Doutor João Carlos Pereira.

10. Forma de publicitação/notificação dos resultados:
Os resultados finais da avaliação serão afixados em www.inegi.pt

11. Documentos de Candidatura:

i) Carta de motivação, demonstrando a sua adequação ao perfil requerido;
ii) Curriculum vitae, no qual deve ser clara a formação do(a) candidato(a) nos pontos referidos no item 5 deste edital;
iii) Certificado de habilitações; se possível, o certificado de habilitações deve vir acompanhado das classificações obtidas em todas as disciplinas realizadas.

12. Datas e Locais de Apresentação de Candidatura:
A documentação referida no anterior deverá ser remetida de 26 de janeiro a 08 de fevereiro de 2023 através da página oficial do INEGI www.inegi.pt em Junte-se a nós | Bolsas de Investigação premindo Candidate-se em Bolsa de Investigação - BI LiRAs UTAF 05/2023.

13. Núcleo do Bolseiro:
O núcleo de acompanhamento a bolseiros funciona de segunda a sexta-feira, das 10h às 12h, nos Serviços de Gestão de Pessoas.

Candidate-se
Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.   Saiba mais

Compreendi