Dispositivo para calcular dose saudável de sal desenvolvido pelo INEGI

05-08-2019
Trata-se de uma espécie de saleiro capaz de dosear a quantidade de sal recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que pretende potenciar uma culinária mais saudável em casa e na indústria alimentar, ajudando assim as políticas alimentares para reduzir o consumo de sal.

O equipamento foi desenvolvido pelo INEGI, tendo em conta as necessidades identificadas pela Faculdade de Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto (FCNAUP), e o seu pedido de patente foi já submetido. “A ideia deste projeto de investigação passa por desenvolver e demonstrar, em ambiente real, a aplicação de um instrumento portátil e de fácil utilização que fornece diferentes quantidades de sal recomendadas para a confeção de refeições para adultos e crianças”, explica Sílvia Esteves, responsável pelo projeto no INEGI.

Para utilizar este saleiro inovador, basta carregar no botão correspondente ao número de elementos que vão consumir a refeição, podendo optar-se entre a dose de adulto e de criança, e logo será dispensada a correspondente dose de sal recomendada. “Desenvolvemos desde o conceito e projeto do equipamento, até à construção e montagem dos protótipos, recorrendo a processos de fabrico aditivo”, acrescenta.

Coordenado pela FCNAUP, o projeto denominado iMCSalt está a ser desenvolvido em escala para aplicação doméstica e comercial, vai ser testado em 260 famílias portuguesas e, futuramente, será avaliado em cantinas, para determinação do impacto na monitorização e no consumo de sal.

Além do INEGI e da FCNAUP, são também parceiros do iMCSalt o Serviço de Saúde Ocupacional do Hospital São João do Porto, bem como do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) e do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar - U.Porto (ICBAS).

O projeto iMCSalt é financiado pelos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento (FEEI) e fundos nacionais (Portugal2020 e NORTE2020), através da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT).

INEGI
Universidade do Porto
CONTACTOS E LOCALIZAÇÃO
Linkedin Facebook Youtube Twitter
© INEGI 2011 | Política de Privacidade