Nova certificação do INEGI avalia as emissões dos materiais de construção para o mercado alemão

06-02-2019
O Laboratório de Qualidade do Ar Interior do INEGI está apto para realizar ensaios que tenham como objetivo adquirir o selo EMICODE, um sistema de classificação desenvolvido na Alemanha, que permite comparar e avaliar as características de emissão de produtos de instalação e construção de pavimentos e, ao mesmo tempo, incentiva a melhoria dos produtos.

O reconhecimento, atribuído pela associação alemã GEV (Association for the Control of Emissions in Products for Flooring Installation, Adhesives and Construction Products e.V.), permite que o INEGI realize os ensaios aos produtos finais e não apenas à na sua fase de desenvolvimento. “Pretendemos ser um interlocutor de proximidade tanto para empresas portuguesas como espanholas, que pretendam exportar para a Alemanha”, explica Gabriela Ventura, responsável técnica do Laboratório de Qualidade do Ar Interior do INEGI.

O EMICODE tem-se tornado um selo de qualidade de referência internacionalmente. Garante a profissionais da construção e a consumidores finais orientação para decidirem quais os materiais que oferecem segurança máxima contra a poluição do ar interior e melhor proteção da saúde.

A problemática da qualidade do ar interior tem vindo a adquirir uma relevância crescente dada a sua relação com problemas de saúde do foro respiratório, cuja causa lhe é frequentemente atribuída. O Laboratório de Qualidade do Ar Interior do INEGI atua neste âmbito e é um dos primeiros laboratórios portugueses acreditados a dedicar-se à caracterização detalhada de compostos orgânicos voláteis (COVs).

INEGI
Universidade do Porto
CONTACTOS E LOCALIZAÇÃO
Linkedin Facebook Youtube Twitter
© INEGI 2011 | Política de Privacidade